• 19/02/2018
  • Lockey

O que você precisa saber para colocar o seu imóvel para alugar?



Você que tem uma casa ou um apartamento e quer transformá-lo em um ativo por meio da locação sabe que o processo de colocar um imóvel para alugar pode ser uma tremenda dor de cabeça. Documentação, agendamento de visitas, taxas e a insegurança na hora de fechar um negócio podem atrapalhar todo o processo. Além disso, a burocracia também costuma ser um entrave na hora de colocar o imóvel para alugar.

O tempo corre, e deixar um imóvel parado significa perder dinheiro. Afinal, além de deixar de receber um dinheiro certo pelo aluguel, é preciso desembolsar para pagar impostos como o IPTU e outras taxas, como as de condomínio.

Neste artigo vamos esclarecer alguns pontos que você precisa saber antes de sair anunciando seu imóvel em qualquer lugar e viver um problema depois disso. Acompanhe!

Anuncie o seu imóvel

Antigamente eram as seções de classificados no jornal. O objetivo era fazer uma propaganda do seu imóvel e descrevê-lo em pouquíssimas palavras. Afinal, quanto maior fosse o anúncio, mais caro ele era. Cabia ao locatário imaginar como seria o apartamento e confirmar ou descartar essa impressão somente com a visita.

Quando os sites de imóveis começaram a surgir, a possibilidade de incluir textos maiores e mais detalhados, bem como as fotos do imóvel, ajudou muito. No entanto, só isso não basta para garantir que o imóvel será alugado rapidamente. É preciso ter fotos de boa qualidade, tratadas, e que deem a noção exata do tamanho do apartamento, da disposição dos cômodos, da luminosidade, entre outros fatores.

Portanto, na hora de alugar um imóvel, prefira plataformas que permitam a inserção de fotos 360º ou vídeos, por exemplo, e que prezem pela qualidade dos conteúdos.

Filtre as visitas

Além de mostrar melhor como é o seu apartamento, as fotos de qualidade e as imagens panorâmicas ajudam a filtrar o tipo de inquilino que tem interesse em um imóvel como o seu.

Infelizmente, é comum que quem deseja alugar um apartamento percorra um grande número de imóveis até fechar com aquele que mais se identificou. No entanto, seria melhor tanto para os locadores quanto para os locatários se as visitas fossem simplificadas.

Além de mostrar melhor como é o seu apartamento, as fotos de qualidade e as imagens panorâmicas ajudam a filtrar o perfil do inquilino que tem real interesse em um imóvel como o seu, permitindo que ele só agende uma visita se o imóvel for mesmo do seu gosto e se atender às suas necessidades.

Em vez de o inquilino ter que buscar e devolver as chaves na imobiliária, agendar com o corretor diretamente no imóvel também agiliza o processo, aumentando as chances de fechar negócio durante a visita.

Calculando o valor do seu imóvel

Outra dificuldade bastante comum é a precificação do valor do aluguel. Afinal, essa equação tem inúmeras variáveis, como a localização do imóvel, seu estado de conservação, o valor do condomínio e até mesmo o preço que seus vizinhos estão cobrando para alugar o apartamento deles.

Antigamente, o comum era que o preço do aluguel fosse 1% do valor de venda desse imóvel, mas esse percentual já não é mais utilizado — e os preços hoje estão mais próximos de 0,5% do valor de venda. Considere algo nesse intervalo, mas sempre levando em consideração a média do valor de aluguel dos imóveis da região.

No caso de um eventual reajuste, isso pode ser estabelecido no contrato com o inquilino. Em geral, o índice de reajuste do aluguel é definido pelo IGP-M (Índice Geral de Preços – Mercado) ou por meio de negociação entre as partes a cada ano ou término do contrato.

Converse diretamente com o inquilino

Ninguém melhor do que o proprietário para falar sobre o imóvel em questão. Por isso, na hora de colocar o seu imóvel para alugar, dê preferência às plataformas que permitem esse contato em vez de deixar tudo nas mãos de uma imobiliária.

Dessa forma o interessado negocia diretamente com você. Você pode aceitar ou não uma proposta ou fazer uma contraproposta. Isso deixa o processo mais simples e seguro, já que aproxima locador e locatário por meio de um contato online.

Opte pela segurança

Outro quesito que faz muita diferença na hora de colocar um imóvel para alugar é a segurança no processo. Ninguém quer passar por uma dor de cabeça ao alugar o apartamento para um inquilino que não vai conservar o patrimônio adequadamente ou que não vai cumprir com o pagamento de encargos como IPTU, energia, água, gás e condomínio.

Para evitar problemas como esse, uma dica é procurar empresas que trabalhem com seguro-fiança e não cobrem a mais por isso. O seguro pode cobrir esse tipo de eventualidade ao final do contrato.

Além disso, outra garantia que a empresa pode oferecer é a certeza de recebimento do aluguel durante o período de vigência do contrato. Esse é um detalhe importante, já que o índice de inadimplência nos casos que envolvem habitação não são raros.

Para o inquilino esse processo também é interessante, já que dispensa a necessidade de encontrar um fiador que cumpra todos os requisitos que são comumente exigidos pelas corretoras.

Aposte na documentação online

Um aspecto que pode facilitar o processo sem abrir mão da segurança na hora de alugar seu imóvel é a documentação online. A internet pode ser bastante útil para simplificar as etapas do aluguel de um apartamento, por exemplo, o que facilita a vida de quem tem pouco tempo durante a semana ou que precisa fazer uma mudança às pressas.

Algumas plataformas conseguem transportar para o ambiente online 100% do que era burocracia para a oficialização do processo de aluguel. Isso inclui agendamento de visitas e negociação online, além de assinatura eletrônica, abrindo mão de toda papelada, inclusive de gastos com cartório. Tudo pode ser feito pela plataforma, de onde você estiver.

Essas facilidades vêm ganhando a simpatia de inquilinos e proprietários de imóveis ao simplificar o processo de locação e otimizar o tempo de quem tem pressa para alugar.

Agora que você já sabe tudo o que precisa para colocar o imóvel para alugar, temos uma outra dica antes de encerrarmos este artigo. Elaboramos um conteúdo especial sobre segurança nos sites de aluguel. Dê uma olhada e boa leitura!

[fbcomments]